Join Waitlist We will inform you when the product arrives in stock. Just leave your valid email address below.
Email Quantity We won't share your address with anybody else.
Destaque, Headsets, Notícias

Realidade Aumentada: Meta 2 está disponível para os desenvolvedores!

Ontem, Meta, uma empresa de Realidade Aumentada situada na Califórnia, anunciou seu segundo kit de desenvolvedor, o Meta 2. O kit, com muitas melhorias em relação ao primeiro, está disponível para encomenda no site do Meta por 949 dólares com previsão de entrega no terceiro quadrimestre (Maio a Agosto) deste ano.

O Meta 2 foi além de só demonstrar vídeos da sua tecnologia, demonstrado no TED ao vivo para as pessoas. Segue o que aconteceu no TED:

 

Demonstração do Meta 2 no TED
Demonstração do Meta 2 no TED – pessoa segurando o cérebro no ar

 

Visão da pessoa segurando o cérebro no ar
Visão da pessoa segurando o cérebro no ar

No TED foram demonstradas algumas funcionalidades como:

  • Atender uma chamada telefônica onde você consegue ver a holografia da pessoa com quem você está conversando

 

  • Interagir com conteúdos através de Interfaces Naturais de Usuário

 

  • Examinar um modelo 3D

 

  • Pegar um modelo 3d de um cérebro da mão de uma holografia de uma pessoa

 

 

O Meta 2 possui 90° de campo de visão (FOV), oferecendo uma experiência muito mais imersiva que o HoloLens da Microsoft, o qual possui atualmente um campo de visão inferior a metade do Meta 2. Além disso, o Meta possui um display de 2560 x 1440, permitindo aos usuários ver detalhes nos hologramas.

A técnica de estereoscopia do Meta 2 funciona espelhando uma tela posicionada sobre as suas sombrancelhas em um vidro na frente dos seus olhos. Produzindo assim uma imagem 3D do mesmo jeito que o Oculus Riftt e o HTC vive fazem, ou seja, renderizando uma cena para cada olho. Esta abordagem é totalmente diferente do competidor do Meta: o Magic Leap.

Além do headset, o Meta utiliza um conjunto de câmeras e sensores para rastrear os movimentos das mãos e dos dedos e a posição do usuário.

Devemos salientar que o rastreamento de mãos do Meta não é tão preciso quanto o do Leap Motion, mas funciona bem. Só não espere usar o Meta 2 para micro cirurgias (ainda)!

O Meta 2 representa um avanço, não apenas para a empresa, mas para sondar o consumidor de Realidade Virtual. Ainda tem muitos desafios a serem superados, mas o Meta leva os desenvolvedores mais perto do futuro da Realidade Aumentada, que muitos estão conscientes que está chegand 😉 . O Meta 2 ainda não está completamente pronto para usar no dia a dia, o fato de ele ser cabeado limita o potencial uso de Realidade Aumentada no curto prazo. No entanto, ele está pronto para desenvolvedores que entendem os obstáculos de hardware em fase inicial. Para eles, é importante ter uma plataforma que pode apoiar o desenvolvimento futuro.

Meron Gribetz, fundador e CEO do Meta, ressalta a importância de engajar a comunidade de desenvolvedores com a plataforma. “Nos iremos acelerar a adoção de Realidade Aumentada e a criação de killer apps reunindo a comunidade”.

A Microsoft anunciou recentemente a pré-venda e a data de envio do kit de desenvolvimento do Hololens que possui uma vantagem indiscutivelmente melhor em visão computacional. No entanto, o preço de 3.000 dólares fez com que vários desenvolvedores desistissem de comprar e desenvolver para a plataforma tão cedo. Mas o Meta 2 quer mudar isso.

Comparando com as fases de Realidade Virtual, foi necessário o Oculus Rift DK1 ter um preço acessível e um poder de imersão suficiente para que desenvolvedores começassem a criar experiências em Realidade Virtual. hoje, um pouco menos de 3 anos depois, nós temos muitos headsets, melhores que o DK1, que só existem porque houve um interesse inicial forte e um empurrão. Essa mesma mistura mágica de inspiraçào e acessibilidade precisa acontecer com Realidade Aumentada, e é o que o Meta pretende fazer!

Vamos torcer, vem logo futuro! 🙂

 

Fonte: UploadVR

 

Notícia AnteriorPróxima Notícia

Comentários